Arquidiocese de BH inicia ações pastorais para a Copa do Mundo

Durante os jogos da Copa do Mundo 2014 no Brasil, no mês de junho, a arquidiocese de Belo Horizonte (MG) realizará atividades como seminários e campanhas educativas sobre o combate ao tráfico humano. A iniciativa é motivada pela Campanha da Fraternidade 2014, que tem como tema “Fraternidade e Tráfico Humano”.

Estão previstas ações de proteção aos jovens e adolescentes em situação de vulnerabilidade social e à população em situação de rua. Paróquias e santuários da arquidiocese terão programação especial com missas celebradas em outros idiomas.

O bispo auxiliar de Belo Horizonte, dom João Justino de Medeiros Silva, presidiu missa neste domingo, 18, na paróquia São José, o que marcou o  início das ações para a Copa do Mundo na arquidiocese. Após a celebração foram hasteadas as bandeiras dos 32 países participantes da Copa do Mundo e dos 12 Estados brasileiros sedes dos jogos.

Ações de evangelização
A Pastoral de Rua e outras instituições farão plantões de atendimento e de acolhimento aos desabrigados. No dia 9 de junho, haverá um Fórum da População em Situação de Rua, na Praça da Rodoviária. A Conferência dos Religiosos do Brasil (CRB) realizará no dia 23, ato público,  no centro de Belo Horizonte, contra o tráfico de pessoas. O objetivo é sensibilizar e informar a sociedade civil sobre o problema e promover a cultura do respeito e da valorização da vida.

De 6 a 13 de julho, no Centro da Capital, serão promovidas pela juventude diocesana atividades artísticas e de evangelização em diferentes locais da cidade. Serão oferecidos serviços como corte de cabelo e alimentação. Nos dias 11, 12 e 13 de julho, haverá ato público pela paz organizado pelo jovens em praças da capital.

Fonte: arquidiocese de Belo Horizonte