Paraná tem novas arquieparquia e eparquia

Nesta quarta-feira, 14 de maio, o papa Francisco elevou a eparquia de São João Batista de Rito Ucraniano, em Curitiba (PR), à condição de arquieparquia metropolitana, e nomeou como primeiro arcieparca, dom Volodemer Koubetch.

No mesmo dia, o papa criou a eparquia da Imaculada Conceição de Rito Ucraniano, em Prudentópolis (PR), e nomeou como eparca, dom Meron Mazur, até então, bispo auxiliar da eparquia de Curitiba (PR).

Eparquia é uma tipologia adotada nas Igrejas Orientais Católicas, que corresponde ao conceito de diocese. A arquieparquia de São João Batista de Rito Ucraniano, em Curitiba, é uma circunscrição eclesiástica da Igreja Católica para os fiéis de rito ucraniano de tradição bizantina que moram no Brasil.

Sobre os nomeados

Dom Volodemer tem 61 anos e nasceu na cidade de Mandaguaçu, no Paraná. Estudou Filosofia e Teologia e foi ordenado sacerdote em 6 de dezembro de 1981. É mestre em Teologia Moral pela Pontifícia Faculdade Nossa Senhora da Assunção (São Paulo) e doutor em Teologia Sistemática pela Pontifícia Universidade Católica (Rio). Atualmente é professor de Ética (Studium São Basílio e Seminário Arquidiocesano) e de Teologia Moral (Studium Theologicum, Curitiba).

Dom Meron Mazur nasceu em 5 de fevereiro de 1962, na cidade de Prudentópolis (PR). Obteve o doutorado em Ciências da Educação e, em 8 de setembro de 1990, foi ordenado sacerdote pertencente à Ordem Basiliana de São Josafá. No ano de 2005, foi nomeado bispo titular de Simittu e auxiliar de São João Batista em Curitiba, sendo sagrado em 26 de fevereiro de 2006.