“Pequei, Senhor, Misericórdia!

LITURGIA – 1º DOMNGO DA QUARESMA

09.03.2014.

“Pequei, Senhor, Misericórdia!

1.Introdução.

  Tempo de Quaresma – Tempo de penitência e tempo favorável para a conversão! Deus atende nossa oração e nos livrará do pecado e da tentação. Como é consolador experimentar o poder de Deus na libertação do pecado!

Os “Mistérios gozosos”, meditados no período do Natal, sucedem os “Mistérios doloroso”: Jesus vai ao deserto enfrentar satanaz, ensina-nos como vencer o pecado mediante a oração, o jejum e a meditação da Palavra de Deus. O pecado é uma peste, uma núvem negra simbolizando a maldade e o pecado instalados no coração humano.

Deus decidiu salvar-nos mediante o sofrimento, morte e ressurreição de Jesus. A Ressurreição de Jesus é a certeza definitiva de nossa salvação.

2.Palavra de Deus.

   Gn 2,7-9 – Na descrição poética do Gênesis, alternam-se a paisagem do jardim criado por Deus e o deserto produzido pelo pecado do homem! É o contraste da graça e do pecado vivido, ainda hoje, por nós!

Rm 5,12-19 – A desabediência de um homem causou a morte para todos; mas a obediência de Jesus garante-nos a salvação. Qual seria nossa escolha: seguir o caminho de Adão ou o caminho de Cristo?

Mt 4,1-11 – O caminho da graça passa pelo ensinamento e prática de Jesus: caminho de penitência e de meditação da Palavra de Deus. Não há outro caminho para a vitória contra o mal!

3.Reflexão.

  • A Liturgia não nos faz meditar fatos antigos. Coloca-nos diante da dura realidade humana atual: o pecado e a graça divina estão presentes no íntimo de nós mesmos! Temos a responsabiidade da escolha seguindo os passo de Jesus! A Quaresma é  tempo de escolhas!
  • Hoje, dizem que o pecado não existe! A Bíblia fala de dois jardins: um maravilhoso e outro destruido.É um simbolismo trágico, mas real do pecado e da graça. A realidade atual não é diferente: o pecado está na desilusão, na tristeza e na morte que nosso mundo ateu provoca em toda a parte. O jardim poético e o mundo de sofrimento e morte estão diante de nós. Como negar o pecado!
  • Paulo diz que o pecado habita nele! É um parasita instalado em em seu coração! Exclama: “Quem me libertará deste corpo de morte?” Jesus Cristo, que não fugiu da Cruz, garantiu-nos a vitária colocando em nosso coração uma vida nova de filhos de Deus. Ele é o novo Adão fiel e amoroso que nos dá a gatrantia do amor de Deus nosso Pai.
  •  

“Não só de pão vive o homem, mas de toda a Palavra que sai da boca de Deus!”

 

Frei Carlos Zagonel.

Anúncios